Estudos Biblícos


Perguntas bíblicas que não devem nunca se calar na Igreja!
A divisão que Cristo quer e a que ele não quer na igreja.
Texto sobre rebelião contra Deus
O FIM DA ÉPOCA DOS PROFETAS E PROFECIAS.
O arrebatamento
Santa Ceia
BATISMO
O diabo é o príncipe do engano
Os Vários Jesus que os cristãos estão aceitando para se salvar!
Oração = orar + ação
VOLTAR

BATISMO
Uma resposta que dei a um Batista que contestou com letras MAIÚSCULAS, sobre o batismo.
A paz seja contigo!
Mais uma vez venho a presença do irmão para responder algumas perguntas e dúvidas que ficou, principalmente sobre o batismo que se fundamentou a igreja do irmão, e gostaria que o irmão analisasse com amor e bom senso como eu vi os erros da minha igreja.
 (A PALAVRA BAPTISMO NO GREGO TEM O SIGNIFICADO DE IMERSÃO
OU COMO JESUS SAÍRIA DA ÁGUA SE NÃO ESTIVESSE DENTRO DELA, OU COMO O EUNUCO. Porque João Batista entrou na água corrente para batizar como fala em Números 19 que vou justificar e aí não prova que era imersão.
PEDE A FILIPE PARA PARAR QUANDO VÊ A ÁGUA ? A BIBLIA DIZ QUE AMBOS DESCERAM?
O irmão veja que Felipe estava num lugar deserto e não fala que era rio fundo e ali tinha de descer até a água.
AS ÁGUAS. EM JO 3 DIZ QUE JOÃO BATIZAVA NO ENOM PORQUE HAVIA MUITA ÁGUA.)
 O irmão colocou muita água, mas no texto fala claro, ali havia muitas águas no plural todos os outros textos fala em água, pode ser um mar de água, porque ali havia muitas fontes de águas, se vê claramente que não era um lugar fundo ou com muito volume de água e nesse mesmo texto fala da discussão que os discípulos de João Batista discutiam com os judeus com respeito da purificação que é no hebraico, já no grego é batismo, e a purificação era aspergido e nunca imersão, vou tentar lhe explicar.
Amado irmão, sobre o batismo de imersão, muitos anos me confundiram, dizendo que a palavra batismo no grego, quer dizer imersão, e não é!
Estudei muito na Bíblia sobre isto, porque eu não aceitei o batismo infantil que a minha igreja pratica, então estudei a forma do batismo que não era de maneira alguma afundado podemos começar colocando 3 textos no grego 1º Corinto 10:
1- Ora, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais estiveram todos sob a nuvem, e todos passaram pelo mar,
2- tendo sido todos batizados, assim na nuvem como no mar, com respeito à Moisés.

 Aqui fala claro e no grego que os batizado não foram os afundados, vamos para outro texto que fala que não é nem a parte material o importante mais o espiritual 1ª Pedro 3:
20- os quais, no outro tempo, foram desobedientes quando a longanimidade de Deus aguardava nos dias de Noé, enquanto se preparava a arca, na qual poucos, a saber, oito pessoas, foram salvos, através da água,
21- a qual, figurando o batismo, agora também vos salva, não sendo o a remoção da imundície da carne, mas a indagação de uma boa consciência para com Deus, por meio da ressurreição de Jesus Cristo;
(como o exemplo do nascer de Nicodemos e Romanos 6. 3 a 14 os 4 passos do batismo a crucificação, morte, sepultamento e ressurreição de Jesus).
Vimos aí outro texto onde fala que uns foram emergidos e outros não, só aqui daria para nós concluir por que o Paulo e o Pedro não iam usar exemplos do passado que fala totalmente o contrário, peguemos o texto 1º Corinto 15:
29- Doutra maneira, que farão os que se batizam (purificam) por causa dos mortos? Se, absolutamente, os mortos não ressuscitam, porque se batizam por causa deles?
Vimos aí um texto que muitos teólogos tem ignorado, e que os Mórmons pegam para batizar os mortos, mais aqui está a resposta, o que significa a palavra batismo no hebraico, aí eu pediria ao irmão que lesse no livro de Números no capítulo 19 sobre a água purificadora principalmente no versículo 17 que era para pôr água corrente num vaso (e no capítulo 31.19 a 24 foi colocada em prática, a purificação daqueles que tiveram contato com os mortos, e tudo o que não resistisse ao fogo era para passar pela água purificadora).
 João Batista como filho do sumo sacerdote, ele era o intermediário da lei e a graça, mas ele veio batizando dentro da lei pegando da água corrente mais nunca com imersão e Ezequiel profetiza como era o batismo no capítulo 36:
25 – Então, aspergirei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias e de todos os vossos ídolos vos purificarei.
Jesus no início do seu ministério no casamento em Caná da Galiléia no capítulo de João 2:
6 -Estava ali 6 talhas de pedra, que os judeus usavam para as purificações, e cada uma levava 2 ou 3 metretas, sabe da história, Jesus transforma água em vinho e o vinho na Ceia, ele diz que é o seu sangue e em 1ª João1.7 diz que é o sangue de Jesus que nos purifica de todo pecado se nós nos arrependermos e esse é um dos significados da Santa Ceia que todo judeu, para tomar tinha que se purificar antes, que é outra doutrina de Cristo e que fizeram uma confusão com a forma para desviar do verdadeiro significado do batismo e da Santa Ceia, outra coisa o testemunho de João Batista quando batizou Jesus João. 1:
33- Eu não o conhecia; aquele, porém, que me enviou a batizar com água me disse: Aquele sobre quem vires descer e posar o espírito, esse é o que batiza com o Espírito Santo. 
     Aqui fala tudo o porque de toda essa confusão, João Batista falou que batizava com água, ele não disse que era em água ou na água, quem fez toda a confusão foi os da trindade porque nesse texto está bem claro aqui vemos os 2 pai e filho, o pai que enviou João Batista que viu descer o espírito, como em forma de pomba e ele fala claro que o filho é quem batiza com o Espírito Santo do pai, mas como os da trindade dizem que o pai é o mesmo filho e o Espírito Santo é Deus, então como o filho pode batizar com o Espírito Santo então no rodapé de todas as bíblias que com é igual a em não encaixa essa mentira porque batizado em espírito santo não dá para aceitar esses que querem enganar e negar o Cristo o enviado de Deus o pai.
E tenho um estudo sobre isso no livro Atalaia Alerta está nos site: www.livroatalaia.com
    Isso foi uma maneira errada para dividir a igreja e gostaria que lesse no livro à parte de doutrinas não só do batismo + a Ceia e a trindade e se estiver mais alguma dúvida terei todo prazer de falar sobre isso, porque nós fomos contra o batismo infantil, mas lutamos dentro da nossa igreja para não dividir, e na nossa capela já faz mais de 25 anos que nunca batizamos criança apesar da insistência dos pastores Metodistas, mas nós temos que cumprir o que está na Bíblia e está é uma doutrina de homens, heresias que herdaram da mãe católica romana.